Pique Esconde
Capital Inicial

Você me procura
Sempre me persegue
Onde quer que eu vá
Eu sinto a sua mão
Tento me esconder
Esquecer a pressão
Não me permite um momento

Você me tortura
Assédio sem fim
Não há mais jeito
Nem chance de hesitação

Me entrego aos seus braços
Me estrague com seus laços
Faça de mim o que você quiser

Eu não posso evitar
Aberta eu deixo a porta
O devaneio se realiza
E a consequência não importa

Corroído pelo ácido
O limite é destroçado
Às correntes eu sucumbo
No calabouço o instinto é básico